Qual é a diferença entre ocultismo e religião?

Muitos dos estudantes de ocultismo recebem essas mesmas perguntas “Você realmente não acredita que pode falar com espíritos, não é?” ou “Você não precisa de todo esse material mágico, apenas rezar e confiar em Deus.” mas a essência de declarações como essas, é a mesma. Um desafio, para explicar o por que da etiqueta de ocultista, em vez de um rótulo religioso. Mas, mais especificamente, parece ser um desafio do autor da pergunta, perguntando se você se acha melhor do que eles, ou que o que você faz é mais eficaz do que o que eles fazem.

Eu imagino que a maioria dos praticantes do ocultismo têm experiências semelhantes. E a maioria já deve ter considerado essas perguntas a si mesmos. “Por que fazemos mágica? Por que nós apenas não oramos? Qual é a diferença? E há ainda uma diferença em tudo?”

Então eu vou me esforçar aqui, para explicar a diferença, como eu vim a entender isso. Suas experiências podem ser diferentes.

A religião é um conjunto de regras a viver perto: mitologia para entender o mundo e definir a sua própria espiritualidade.

O ocultismo, por outro lado, é um conjunto de ferramentas para mudar de vida, um método de comunicação para exigir respostas do mundo. Métodos para fazer um papel ativo na sua própria espiritualidade.

Aqueles que seguem uma religião são observadores passivos em seu mundo espiritual, ao passo que aqueles que praticam o ocultismo optaram por assumir um papel ativo no mundo espiritual ao seu redor e dentro deles.

  • Os ocultistas não rezam para seus deuses, eles se comunicam com os seus deuses.
  • Os ocultistas não dizem, “tudo tem uma razão”, eles exigem uma explicação de tudo.
  • Os ocultistas não sentam e esperam por um milagre, eles criam o milagre de que precisam.

O ocultismo é a matemática do espírito. Para estudar o ocultismo é necessário conhecer o funcionamento interno do espírito, as profundezas interiores da mente e a ciência dos espíritos. O ocultista escolhe aprender a usar as ferramentas dos deuses, e de fato tomar o seu lugar entre os deuses e semi-deuses da sabedoria.

Isso é o que o ocultismo é. Os ocultistas transformam a experiência em prática, para conquistar o verdadeiro conhecimento sobre o espiritual. Adeptos religiosos “acreditam” em anjos. Os ocultistas falam diretamente com eles. Religião interpreta as palavras dos deuses. Os ocultistas chamam os deuses para baixo para pedir esclarecimentos.

Enfim, qual é a diferença entre o ocultismo e a religião?

R- A religião é a fé. O ocultismo é o conhecimento.

2 comentários

  1. Para fazer uma ilustração sobre este assunto, penso numa estrada e o modo de dirigir um automovel. Para atingir nosso objetivo no caminho estamos exposto a certas limitações e certas regras, o que envolve conduta prudente e treinada. O ocultismo é uma forma de insegurança porque tem sempre algo de oculto de improviso, que nos pode surpreender, por exemplo, um ultrapassagem arriscada que envolve audácia com as normas da sinalizações, um atalho impróprio … O oculto envolve sempre aquilo de que desconhecemos e menos esperamos num percurso de um caminho, por isso o ocultismo não é “conhecimento” – pelo contrário – é uma forma de “experiência” em que se interpõe a Sorte pois não sabemos a noção das consequências da ação, pois é oculto.
    O objetivo do percurso do caminho é a segurança da viagem, o ocultismo não atende esta finaliza são surpresa.

Alguma dúvida? O que achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s